Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

 

SAC: 0800 -772 3030   |
HTML do menu mobile
Navegar para Cima

Skip Navigation LinksHospital-da-Unimed-Sorocaba-adota-praticas-sustentaveis-

Hospital da Unimed Sorocaba adere a mercado livre de energia elétrica

Além de reduzir custos, medida personaliza o serviço

27/03/2017 09:26 | Última Atualização 27/03/2017 09:26

No último dia 1º de março, o Hospital Dr. Miguel Soeiro (HMS), da Unimed Sorocaba, aderiu ao mercado livre de energia elétrica, no qual é possível adquirir energia diretamente dos geradores por meio de contratos bilaterais. A mudança implica em uma série de vantagens em relação ao mercado convencional, como redução de custos, flexibilidade de negociação e personalização do serviço. 

O mercado de energia no Brasil está dividido em Ambiente de Contratação Regulada (ACR), onde estão os chamados consumidores cativos, e o Ambiente de Contratação Livre (ACL), formado pelos consumidores livres, como o HMS.

Consumidores cativos são os que compram a energia das concessionárias de distribuição às quais estão ligados. Cada unidade consumidora paga apenas uma fatura de energia por mês, incluindo o serviço de distribuição e a geração da energia, e as tarifas são reguladas pelo governo. É o sistema no qual a população, em sua maioria, está inserida.

Já os consumidores livres, por outro lado, compram energia diretamente dos geradores ou comercializadores por meio de contratos bilaterais com condições livremente negociadas, como preço, prazo e volume. Cada unidade consumidora paga uma fatura referente ao serviço de distribuição para a concessionária local (tarifa regulada) e uma ou mais faturas referentes à compra da energia (preço negociado de contrato).

A principal vantagem é a possibilidade de optar, entre os diversos tipos de contratos, de acordo com as expectativas de custo e benefício. O consumidor pode também escolher a aquisição de energia de fontes renováveis, contribuindo com o meio ambiente. Trata-se de um meio seguro e confiável de adquirir energia elétrica por um valor negociável.

Miguel Villa Nova Soeiro Filho, superintendente da Unimed Sorocaba, explicou que a migração para o mercado livre impactará de maneira muito positiva a instituição, sobretudo no que concerne à redução de custos e sustentabilidade, além do maior poder de negociação junto aos comercializadores e flexibilidade na prestação do serviço. 

"A mudança para o novo sistema reforça os valores institucionais da cooperativa e contribui efetivamente com a política sustentável de seu hospital. No que concerne à redução de custos, teremos livre arbítrio para adquirir energia, podendo orçar com diversas empresas do mercado", destacou o dirigente. 

Outras Notícias

 

 

Projeto CTU da Unimed Avaré completa dez anos de existênciahttp://www.unimedfesp.coop.br/projeto-ctu-da-unimed-avare-completa-dez-anos-de-existenciaProjeto CTU da Unimed Avaré completa dez anos de existência
Unimed Marília promove ações de conscientização no mês do Meio Ambientehttp://www.unimedfesp.coop.br/unimed-marilia-promove-acoes-de-conscientizacao-no-mes-do-meio-ambienteUnimed Marília promove ações de conscientização no mês do Meio Ambiente
Unimed Andradina promove curso sobre acompanhante de partohttp://www.unimedfesp.coop.br/unimed-andradina-promove-curso-sobre-acompanhante-de-partoUnimed Andradina promove curso sobre acompanhante de parto
Unimed Catanduva inaugura Central de Materiais Esterilizadoshttp://www.unimedfesp.coop.br/hospital-da-unimed-catanduva-inaugura-nova-central-de-materiais-esterilizadosUnimed Catanduva inaugura Central de Materiais Esterilizados

+ Ver todas as notícias

COPYRIGHT

Copyright © 2016 - Unimedfesp.com.br - Política de Privacidade Rua José Getúlio, 78/90 - Aclimação - São Paulo - SP - CEP 01509-000 - Tel:(11)2146-2500 

UNIMED AWARDS

Unimed Fesp 2016